Altas doses de vitamina C podem combater o coronavírus

Pesquisadores chineses estão testando altas doses de vitamina C como uma terapia para combater o surto de coronavírus (Covid-19).

Eles estão dando mega-doses – até 24g – por via intravenosa a pacientes com coronavírus para verificar se isso reduz os sintomas e acelera a recuperação. A dose é 400 vezes a dose recomendada para manter a saúde geral e prevenir o escorbuto.

O Covid-19 é um novo vírus que foi identificado apenas em janeiro passado, após um misterioso surto de pneumonia na província de Wuhan, na China, em dezembro passado; não foi encontrado nenhum antiviral para tratá-lo e uma vacina para preveni-lo ainda está dentro de 18 meses.

Mas os pesquisadores do Hospital Zhongnan dizem que há evidências de que a deficiência de vitamina C aumenta o risco de contrair vírus influenza e torna os sintomas mais graves.

A vitamina C (ácido ascórbico) possui qualidades antioxidantes que podem impedir danos aos pulmões, um dos sintomas do coronavírus, diz o pesquisador-chefe ZhiYong Peng.

Ele testará o tratamento com mega-doses até setembro, quando terá tratado 140 pacientes com coronavírus, seja com a dose de vitamina C administrada por via intravenosa todos os dias durante sete dias ou com um placebo à base de água.

Bryan Hubbard


Referências

(Fonte: Clinical Trials. Www.clinicaltrials.gov/ct2/show/NCT04264533)

Wddty 032020

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *