Quatro compostos de plantas poderosos que aliviam o inchaço e melhoram a digestão

O inchaço é uma das queixas mais comuns de pessoas que sofrem de distúrbios gastrointestinais, como intestino irritável, constipação e até indigestão. Pode causar uma sensação desconfortável de inchaço e algumas pessoas podem sentir uma distensão visível do abdômen.

Uma pesquisa recente descobriu quatro compostos de plantas que podem ajudar a aliviar o desconforto do inchaço, indigestão e outros problemas gastrointestinais. Essas combinações de plantas ajudam com gases, dores e distensão abdominal, ao mesmo tempo que promovem uma digestão mais saudável e eficaz.

A ciência volta à natureza para uma melhor digestão e alívio do inchaço

Depois de anos promovendo medicamentos para indigestão, azia, inchaço e problemas digestivos, a ciência voltou à natureza para encontrar um remédio que funciona com o corpo para ajudar a aliviar essas doenças digestivas incômodas. Folha de alcachofra, curcumina, óleo de semente de erva-doce e raiz de gengibre combatem o inchaço, bem como os sintomas específicos associados.  Quando os quatro compostos vegetais são tomados juntos, eles podem aliviar o desconforto digestivo ou eliminá-lo completamente .

A combinação de gengibre e alcachofra ajuda a tornar a digestão mais eficiente e eficaz, enquanto uma mistura de erva-doce e gengibre alivia a dor e alivia os gases.

Mas espere! O que é inchaço, afinal? 

O inchaço ocorre quando o gás fica preso no abdômen. Isso pode causar dor abdominal, pressão e uma sensação desagradável de estar excessivamente cheio. Os efeitos podem variar de leves a graves e podem afetar a capacidade de uma pessoa funcionar normalmente.

Essa condição é prevalente e pode ter várias causas, desde intolerância alimentar a doenças e constipação funcional. Existem vários medicamentos prescritos no mercado que são projetados especificamente para tratar o inchaço. Ainda assim, esses remédios muitas vezes não são muito eficazes e requerem doses diárias para prevenir ou apenas reduzir as condições.

A ciência identificou quatro compostos vegetais que podem aliviar o inchaço com rapidez e segurança, melhorando a saúde digestiva.

A combinação destes dois compostos ajuda a melhorar a digestão

Alcachofra e gengibre são usados ​​há muito tempo para tratar problemas gastrointestinais – e com muito sucesso. No entanto, pesquisas descobriram que a combinação dos dois resultados em um tratamento poderoso para inchaço e outros problemas relacionados.

Um ensaio clínico recrutou 126 pacientes com dispepsia funcional (indigestão sem causa conhecida e recorrente). Eles foram divididos em dois grupos. Um grupo recebeu um suplemento de alcachofra e gengibre e o outro grupo recebeu um placebo.

O suplemento consistia em 20 mg de extrato de raiz de gengibre e 100 mg de extrato de folha de alcachofra. Ao final de duas semanas, quase 45% dos participantes que receberam o suplemento relataram melhora significativa em seus problemas digestivos. Do grupo de placebo, apenas 13% relataram alguma melhora.

Ao final de quatro semanas, 63% dos participantes que receberam o suplemento relataram melhora substancial, enquanto o grupo que recebeu o placebo viu apenas 24,6% dos participantes melhorarem.

A alcachofra é usada em muitas culturas como auxiliar digestivo. Estimula o fígado a produzir bile, um importante componente do processo digestivo. A bile ajuda a absorver vitaminas solúveis em gordura e a quebrar as gorduras do corpo. Também acelera a digestão.

Esses dois compostos naturais funcionam em sincronia para aliviar gases e dores abdominais

O funcho e a curcumina são usados ​​há séculos como auxiliares digestivos. Ambos são produtos básicos de famílias naturopatas. A erva-doce é bem conhecida como um tratamento eficaz para a flatulência e a digestão, enquanto a curcumina é bem conhecida por suas propriedades antiinflamatórias.

A combinação foi testada bem em vários estudos para alívio gástrico e como auxílio digestivo. Um ensaio clínico testou a substância para ver se é um tratamento viável para sintomas relacionados à síndrome do intestino irritável.

O estudo incluiu 121 pacientes com síndrome do intestino irritável e idades entre 18 e 60 anos. Eles foram divididos em dois grupos. Um grupo recebeu o suplemento de funcho-curcumina, consistindo de 25 mg de óleo de semente de erva-doce e 42 mg de curcumina, enquanto o outro recebeu um placebo.

Ao final de 30 dias, o grupo que tomou o suplemento relatou uma redução de 50% na dor abdominal, distensão abdominal e outros sintomas relacionados. O grupo placebo relatou uma redução de 26% nos sintomas.

No final do estudo, quase 26% dos participantes relataram estar completamente livres de sintomas, enquanto apenas 6,8% no grupo do placebo relataram o mesmo.

Qual é o resultado final? Embora o inchaço possa ser um sinal preocupante de má digestão, graças à inteligência do reino das plantas, você tem à sua disposição remédios naturais poderosos. Combine esses quatro compostos vegetais para ajudá-lo a manter sua digestão no caminho certo, ao mesmo tempo que alivia muitos sintomas relacionados.

Stephanie Woods

As fontes deste artigo incluem

LIfeExtension.com
NIH.gov
NIH.gov
NIH.gov
NIH.gov

OBS.: Temos a opção de atendimento para avaliação e verificação de incompatibilidades alimentares que causam inchaço, gases e questões de má digestão. Consulte!

9 ervas para melhorar a circulação sanguínea e a função cardíaca

As ervas têm sido usadas há séculos como um tônico e como um remédio para certas doenças cardíacas. Somente nos últimos anos os cientistas começaram a reconhecer o poder das ervas em reverter doenças. Lembre-se de que, para melhorar a função cardíaca, essas ervas devem ser usadas como parte de uma dieta e estilo de vida saudáveis ​​para o coração – não como um substituto.

Existe uma “pílula mágica” para superar as doenças cardíacas?

A resposta é óbvia: claro que não. Mas, vamos dar uma olhada mais de perto em 9 de nossos remédios de ervas favoritos para a saúde do coração.

1. A folha e as flores da baga do espinheiro podem fortalecer o coração e melhorar a circulação. Essas bagas são embaladas com compostos saudáveis ​​para o coração, como flavonóides, rutina, epicatequina, vitexina, catequina, proantocianidinas, hiperosídeo quercetina. Esses compostos ajudam a dilatar os vasos sanguíneos, prevenir danos aos vasos sanguíneos, melhorar o fluxo sanguíneo e melhorar a função cardíaca. E, sim, eles são até considerados seguros para uso com drogas convencionais.

2. O mirtilo fortalecerá os vasos sanguíneos e capilares por todo o corpo. Na Europa, o mirtilo é usado como parte do tratamento aprovado para melhorar certas condições cardíacas. Estudos indicam que mirtilos são ricos em antocianósidos, pigmentos vegetais e vitamina C – todos com excelentes propriedades antioxidantes.

Na Europa, mirtilos têm sido usados ​​para eliminar as veias varicosas e melhorar a circulação sanguínea. Um estudo de 2009 em modelos de ratos mostrou que os extratos de mirtilo causaram uma diminuição significativa na formação de placas e preveniram a progressão dos danos ao coração.

3. A vassoura de açougueiro tonifica os tecidos circulatórios de todo o corpo. É amplamente utilizado no tratamento de veias varicosas, hemorroidas e outros distúrbios circulatórios. Os principais componentes da vassoura de açougueiro são as antocianinas e a ruscogenina – que exibem efeitos antioxidantes e antiinflamatórios significativos para a saúde do coração.

4. A folha de Ginkgo melhora a oxigenação e fortalece o sistema cardiovascular. Os componentes ativos das folhas do ginkgo são os flavonóides polifenóis, as proantocianidinas e as trilactonas terpênicas. De acordo com muitos estudos, as folhas de ginkgo ajudam a tratar a claudicação intermitente ou a má circulação nas pernas. Uma meta-análise de oito estudos randomizados mostrou que as pessoas que tomam ginkgo apresentaram melhora em sua capacidade de caminhar mais quando comparadas ao placebo. Este estudo foi publicado no American Journal of Medicine (2000).

5. A folha de Gotu kola melhora a circulação sanguínea e atua como um tônico para o coração. Gotu kola tem sido um dos pilares dos sistemas de cura da medicina ayurvédica e da medicina tradicional chinesa (MTC). Gotu kola é rico em antioxidantes, terpenóides, sesquiterpenos, quercetina, kaempferol e outras flavonas.

Os terpenóides são os constituintes ativos do Gotu kola – que exercem efeitos antiinflamatórios significativos. Um estudo de 2000 demonstrou claramente que as folhas de Gotu kola melhoraram a circulação sanguínea em minúsculos capilares e melhoraram as condições de insuficiência vascular nos pacientes.

6. A folha de Motherwort melhora a função cardíaca e a circulação. Motherwort tem sido usada desde os tempos antigos para aliviar a ansiedade e melhorar a saúde do coração. Motherwort é rica no alcalóide fitonutriente leonina, que oferece benefícios significativos para o coração.

Leonine é um vasodilatador moderado, o que significa que aumenta o tamanho dos vasos sanguíneos, o que melhora o fluxo sanguíneo para o coração e vários órgãos do corpo. É também um diurético que diminui efetivamente a retenção de água no corpo e reduz naturalmente a pressão arterial elevada.

7. A raiz da pleurisia é um tônico para o coração, reduz os espasmos e a congestão. O nome botânico da erva é “Asclepias tuberosa” – é chamada de “raiz da pleurisia” devido à sua capacidade de tratar a pleurisia com eficácia. Ele alivia a inflamação no revestimento dos pulmões e do tórax e alivia problemas brônquicos e pulmonares.

A raiz da pleurisia é rica em cardenólidos, os flavonóides rutina e quercetina, kaempferol e lupeol. Esses compostos têm efeitos antiespasmódicos, diuréticos e vasodilatadores em todo o corpo.

8. A casca de cinza espinhosa melhora o fluxo sanguíneo. É usado como medicina tradicional pelos nativos americanos para tratar cólicas intestinais, distúrbios nervosos e condições inflamatórias. As bagas também têm sido usadas para tratar problemas circulatórios e claudicação intermitente.

A casca de cinza espinhosa foi originalmente usada como um remédio eficaz para dores de dente.

9. Folha de bolsa de pastor suporta níveis saudáveis ​​de pressão arterial e colesterol. As folhas da bolsa de pastor fornecem vitaminas C, A e K; minerais ferro, cálcio, enxofre, potássio e sódio; o flavonóide rutina; e o neurotransmissor acetilcolina.

Mas espere, isso não é tudo! Gengibre e açafrão também protegem a saúde do coração de várias maneiras

Por exemplo, açafrão e raiz de gengibre sustentam níveis saudáveis ​​de colesterol. A planta da cúrcuma (Curcuma longa) e a raiz do gengibre (Zingiber officinale) são botanicamente relacionadas. Eles são usados ​​como temperos na culinária e também como remédio natural para ajudar a reduzir a inflamação.

Um estudo de 2000 em ratos mostrou que a raiz de gengibre efetivamente reduziu os níveis elevados de colesterol e exerceu efeitos protetores sobre o coração. Um estudo recente de 2013 mostrou que a raiz de açafrão foi capaz de melhorar o enrijecimento da artéria associado à idade, diminuir o estresse oxidativo e a formação de colágeno em camundongos. Os pesquisadores concluíram que o composto ativo curcumina pode atuar como uma nova terapia no tratamento do envelhecimento das artérias em humanos e fornecer efeitos protetores para o coração.

Como sempre, recomenda-se fortemente que você consulte um profissional de saúde de confiança com experiência em fitoterapia. Conclusão – você pode prevenir e até mesmo reverter doenças cardíacas com uma mudança abrangente no estilo de vida e nos hábitos alimentares. Sem dúvida, mudar hábitos nunca é fácil … mas os resultados valem o esforço.

Michelle Marks.

Fontes para este artigo:

NIH.gov
NIH.gov
NIH.gov
NIH.gov
NIH.gov
NIH.gov